em Como criar HQs

Como fazer HQ no tempo livre?

Eu sei bem como é isso, ter que dividir o tempo entre outros compromissos e a criação da sua história em quadrinhos.

Por isso quero compartilhar um método para facilitar e organizar o processo de criar quadrinhos que pode ajudar a ser mais produtivo e conseguir criar HQs curtas ou até capítulos das sua série todo mês.

Neste vídeo: Como fazer HQ no tempo livre.

Transcrição do vídeo

Você passa boa parte do seu dia trabalhando ou estudando e ainda arrisca fazer quadrinhos no tempo que sobra?

Você demora demais pra conseguir ter uma história pronta por esse motivo?

Como lidar com essa falta de tempo e conseguir criar um capítulo ou uma HQ curta por mês?

Oi, aqui é o Marcus Beck.

Sou quadrinista, professor do curso HQ na Prática, criador e mantenedor da plataforma Fliptru e também mantenho esse canal aqui que você tá assistindo!

E como tenho um emprego não relacionado a quadrinhos, faço isso tudo usando apenas o meu tempo livre!

É por isso que quero falar um pouco sobre se organizar pra conseguir produzir sua HQ enquanto eu faço esses desenhos aqui com fanarts de personagens dos quadrinhos da comunidade Fliptru!

Como fazer HQ no tempo livre.

Mas, antes de continuar, um recado rápido.

Nesta semana eu publiquei minha nova HQ curta, feita pro desafio Fliptru.

Ela se chama Falar é Fácil e tem um estilo narrativo diferente do que to acostumado.

Então, se você quer ler essa HQ de graça, vou deixar o link pra ela aqui na descrição do vídeo.

Neste link você também vai ter os detalhes do Desafio Fliptru e vai entender melhor sobre esse desafio de quadrinhos.

Bom, vamos lá!

Como fazer HQ no tempo livre.

Como eu falei antes, eu tenho um tempo bem limitado para criar quadrinhos, assim como você que está me assistindo aqui também deve ter.

Por isso que quero falar sobre como se organizar para manter um processo de criação contínuo das suas histórias em quadrinhos.

Mesmo que você esteja fazendo isso como um hobby, uma diversão ou só porque adora contar histórias.

Se organizar vai deixar tudo melhor pra você!

Imagina conseguir criar um capítulo de quadrinho por mês ou uma história curta por mês? 

Pode até parecer difícil imaginar, mas usando um método simples de organização você consegue.

É normal pensarmos em um projeto como algo gigantesco.

Pensar na história, desenvolver os personagens, pensar no roteiro e na narrativa visual e depois, a parte mais demorada, com certeza, que é o desenho das páginas.

Parece impossível até.

Mas isso é porque sua mentalidade está focada apenas no resultado final.

E se a gente mudasse isso? 

Se a gente começasse a pensar em cada fase do projeto da sua HQ como um mini-projeto? E a partir desse mini-projeto dividíssemos tudo em tarefas menores?

Provavelmente isso ia deixar tudo mais fácil. 

Sabe por que?

Porque a cada tarefa que você consegue terminar um negócio chamado DOPAMINA é liberada no seu sistema nervoso.

Esse nome esquisito é de um neurotransmissor responsável pela sensação de satisfação que sentimos.

Só pra se ter uma ideia, é o mesmo neurotransmissor que é responsável por sentir aquela satisfação quando a gente encontra alguma coisa que tava procurando.

Então todo o processo fica mais gostoso se seguirmos essa ideia de quebrar um processo enorme em pequenas tarefas.

É assim, vamos usar o processo básico de criação de quadrinhos que ensino no HQ na Prática como exemplo. Ele tem quatro partes básicas.

Cada uma delas vai ser um pequeno projeto com suas pequenas tarefas.

Vamos começar com a sua história.

Você tem uma ideia e precisa trabalhar nela. 

Cada parte do processo vai ser uma tarefa.

Decidir o tema é uma tarefa.

Decidir a estrutura que você vai usar, tipo três atos, cinco fábulas, jornada do herói, tanto faz. Isso é outra tarefa.

Escrever uma logline para começar a entender quem é o protagonista da história e o que ele quer. E quem é o antagonista que vai ser o obstáculo do protagonista pra ele atingir o que ele quer. 

Isso é mais uma tarefa.

E assim por diante.

Aí chegamos no segundo “mini-projeto”: O desenvolvimento dos personagens.

Você divide todos os passos para o desenvolvimento da cadeia de personagens da sua história em pequenas tarefas.

Depois faz isso com o roteiro e por fim com as páginas e por aí vai.

Aí é importante que você tenha uma estimativa do tempo que vai investir em cada um desses itens.

Colocar um prazo para si mesmo é outra maneira de se organizar e realmente ter uma tarefa concluída.

Vamos pensar nas páginas, por exemplo.

Se você tá começando agora, então ainda não tem noção do tempo que leva para desenhar cada página.

Tá tudo bem, não tem problema, você vai descobrir aos poucos.

Mas se você já sabe que leva umas 3 ou 4 horas para desenhar um página normal, sem um cenário absurdo por exemplo, já pode usar essa estimativa.

Se leva mais algumas horas pra colorir, então usa essa estimativa também.

Digamos que você escolha fazer todo o lápis da história primeiro e só depois começar a arte-final e por fim as cores.

Divida em três mini-projetos diferentes com suas tarefas.

Cada página é uma tarefa e concluir vai te trazer uma pequena satisfação.

Aí cê tá aproveitando os efeitos da DOPAMINA para continuar firme no projeto, sacou?

Só não esquece que você pode anotar tudo em um caderno, uma agenda, uma planilha do Excel, no Google Agenda ou em qualquer lugar que quiser. 

Mas tem que ser fácil de acessar quando você quiser ver quais são as próximas tarefas que tem pra cumprir, certo?

Até agora tudo bem? Tá fácil de entender?

Bom, ainda falta a parte principal.

Você precisa saber quanto tempo você tem por dia para trabalhar nisso.

Porque essa é a questão aqui, né?

Pra mim, cada dia tem um tempo diferente disponível.

Como eu até já mostrei no vídeo Diário de Criação de uma HQ, se eu quero fazer mais rápido, eu uso até os horários de almoço para trabalhar um pouco nas páginas.

No caso daquela HQ do diário, eu queria terminar tudo em duas semanas. Eram 10 páginas e usei cada segundo do meu tempo disponível focado nisso.

Em outro caso eu fiz a mesma coisa para terminar uma HQ do começo ao fim em 20 e poucos dias. Ela tinha umas 16 páginas no total.

Tudo usando essa ideia de aproveitar cada segundo do tempo livre.

Só que isso me deixou exausto demais! 

Não tem condições de manter isso o tempo todo e durante todos os meses.

Então aqui vai uma dica de ouro.

Planeja de um jeito sustentável pra você, tá?

Não adianta colocar quatro horas por dia pra fazer HQ se você trabalha ou estuda mais oito horas e ainda tem o tempo de se deslocar para o trabalho ou pra faculdade, por exemplo.

Você não vai ter vida social, vida familiar, descanso, sono, diversão além da criação da sua história…

Então isso vai fazer com que você desista depois de algumas semanas e perca toda a motivação e a satisfação que você tinha até o momento.

Vai ser muito frustrante e vai ter o efeito contrário do que eu to propondo aqui, entende?

Só você vai saber o tempo que vai conseguir trabalhar no seu projeto em cada dia.

Então, vai experimentando. 

Faz uma agendinha e marca os horários que quer usar pra trabalhar nas tarefas que definiu.

Se começar a ficar pesado, aí você muda o planejamento.

O importante é não se colocar muita pressão e não ficar frustrado com tudo isso.

Afinal, tem que ser um processo divertido! Senão, qual é a graça?

Bom, agora é hora de você colocar isso em prática, tá?

Vai lá e começa a se organizar.

Não precisa usar todos os detalhes que eu passei aqui, mas começa organizando alguma coisa.

O importante é você ter sua HQ pronta no final do processo e que tenha sido um processo agradável pra você.

Agora, pra terminar, tá vendo essa mãozinha aí embaixo com o polegar pra cima. Clica ali se você gostou desse vídeo.

E aproveita que já tá ali e vai até o botão vermelho e clica também. Não esquece do soninho que vai aparecer, assim você recebe notificação sempre que eu publicar um vídeo novo e não perde nada!

Não esquece de compartilhar esse vídeo no WhatsApp ou no Facebook pra que mais pessoas cheguem até esse canal! Assim você me ajuda bastante a crescer e criar vídeos e quadrinhos ainda melhores!

Obrigado por assistir até aqui e até a próxima!

Links úteis para você

Quem sou eu para falar de como fazer HQ no tempo livre?

Meu nome é Marcus Beck e meus objetivos são:

  • Entreter através das minhas histórias;
  • ajudar quadrinistas independentes a divulgar seus trabalhos através da plataforma Fliptru;
  • e trazer o máximo possível de informação sobre como criar uma história em quadrinhos para o maior número de pessoas possível.

Publiquei minhas webcomics (quadrinhos online publicados na internet) por mais de dez anos e aprendi muitas lições sobre o que deve ou não ser feito para que as HQs sejam as melhores possíveis.

Quando eu comecei a criar meus quadrinhos eu gostaria muito que tivesse conteúdo sobre o assunto para que eu não tivesse que aprender tudo sozinho.

Por isso que criei meu canal do Youtube e também o meu blog, para ajudar quem está passando pela mesma situação que eu estive quando comecei.

Também sempre senti a necessidade de criar uma comunidade e uma plataforma onde quadrinistas nacionais pudessem publicar suas obras e entrar em contato com seus leitores.

Por isso em 2019 eu usei meus conhecimentos como desenvolvedor de software para criar e lançar a plataforma Fliptru.

Faço o possível para responder todas as perguntas, por isso fique a vontade para comentar com todas as suas duvidas. =)

Deixe seu comentário